Friday, December 01, 2006

Painel debate negritude, educação e sociedade

do site www.pastoral.com.br

Aconteceu, nos dias 26 e 27 de outubro, o segundo painel, Negritude, sociedade e educação, promoção da Associação Cultural de Mulheres Negras – ACMUN, e Pastoral Afro, com o apoio de outras entidades. No dia 26, à noite, no auditório do Instituto de Filosofia Berthier – Ifibe, realizou-se um estudo do tema, com os painelistas, Edemilson Brandão, diretor da Faculdade de Educação – UPF, padre José André da Costa, diretor do Ifibe e o padre Ari dos Reis, da Pastoral Afro.

O encontro teve início com o pronunciamento dos representantes das entidades promotoras e o lançamento de um CD sobre a história da ACMUN. A seguir fez uso da palavra o padre Ari, que destacou aspectos da história do povo negro, lembrando que ao longo dos anos foi negado a eles o direito de cidadãos. Existem tentativas de organização como reação diante desta realidade, buscando defender a vida, como é o caso das irmandades e dos quilombos. Para o painelista, recuperar a cidadania supõe recuperar o espaço negado.

Por sua vez, o diretor da faculdade de educação disse que é preciso criar espaços de respeito às diferenças, aprendendo a ler e perceber os outros. A tolerância e o respeito não são conceitos a serem aprendidos na escola, mas que devem ser exercitados neste espaço. O professor Edemilson lembrou que é preciso acabar com as exceções, porque isto não permite a acolhida.

Outro painelista foi o padre André, que falou a partir de situações históricas, tendo em vista contextos e realidades diferentes, onde se realizavam experiências e discussões em torno da inclusão e da exclusão. Para ele o preconceito é fruto de um conceito criado, por isso temos que resolver o problema da invenção da inferioridade.

O encontro teve continuidade no dia 26, desta vez no teatro municipal Múcio de Castro, dando continuidade à discussão com a presença de outros conferencistas.

Saturday, November 04, 2006

Participação no VI Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS - 2006

Photobucket - Video and Image Hosting

Mulher negra: Prevenção das DST,HIVe AIDS.

Autor: Francisca Izabel da Silva Bueno
Co-autoras: Maria Cristina Silva de Souza,
Anair da Silva da Rosa e
Irani da Silva da Rosa

Instituição: Associação Cultural de Mulheres Negras-ACMUN/RS

UF: RS

Email: xbueno@bol.com.br

Categoria: Mulheres e DST/HIV/aids

Resumo:

Associação Cultural de Mulheres Negras, sede em Porto Alegre/RS, criada em 1994 organização não governamental, com atividades em Passo Fundo. Preocupada com alto número de pessoas identificadas como soro positivo, ou portadoras do vírus, dados estatísticos apontam negros (as) como tal, justificamos nosso trabalho voluntário na prevenção DST/HIV e AIDS, promoção à saúde, garantindo direitos sexuais/ reprodutivos, direitos humanos, elevando a auto-estima, qualificando para o trabalho, apoiando processo ensino/aprendizagem resgatando valores culturais.

As equipes:
Projeto Sala da Vida
Projeto Multiplicadoras
e agentes de Promoção a Saúde, proporcionam, responsabilidade, confiança e compromisso com a comunidade.As ações são domiciliares, individuais, grupos, escolas, casa de religião de matriz africana.

Nossos recursos:

palestras, filmes e a distribuição e orientação para o uso correto do preservativo feminino e masculino, quando necessário orientar para os diferentes atendimentos.

Nossas metas:

Especificar o campo da saúde da mulher negra como viés necessário e dar visibilidade à vulnerabilidade que a população negra está exposta.

Consolidar rede de informação sobre políticas públicas em DST/HIV/AIDS.

Conscientizar a população para a importância da ação de cada uma como multiplicadora no processo de prevenção.

Estabelecer o diálogo entre diferentes atores sociais (o SUS inclusive) em ações de promoção e prevenção à saúde da população negra.

Transformar a realidade é uma tarefa árdua e bastante instigante, mas já temos alguns avanços garantidos com recorte de gênero, raça e etnia em programas de saúde pública a nível municipal, mas ainda temos demanda que precisam ser superadas.


É importante a articulação entre as atividades de organização e formação, bem como a construção de uma, abordagem política e metodológica que procure garantir a implantação de políticas públicas de saúde contemplando: gênero, raça e classe.

Baseada nos princípios do SUS garantindo equidade, superação das desigualdades norteamos desconstrução do preconceito racial e reafirmamos auto-estima, garantindo desta forma o pleno exercício da cidadania com autonomia e respeito.

Thursday, October 26, 2006

Para recontar a história

do site www.onacional.com.br

2º Painel: Negritude, Sociedade e Educação começa hoje

Photobucket - Video and Image Hosting

Refletir sobre a presença da comunidade negra na sociedade brasileira é um dos objetivos do 2º Painel Negritude, Sociedade e Educação, que começa hoje, às 19h30, no Ifibe, com entrada franca, e segue no dia 27, às 8h30, no Teatro Municipal Múcio de castro.

A pauta do painel inclui uma discussão sobre projeto político social para a comunidade negra, desafios e identidade negra, afirmação e cidadania. Entre os painelistas, estão a professora Eliane Cavaleiro, coordenadora do Secad/Mec; professor Edemilson Jorge Ramos Brandão, diretor da Faculdade de Educação/UPF; professora Maria Rúbia Hortz, coordenadora do curso de Pedagogia/URI, e o professor José André da Costa, diretor do Ifibe.

O evento antecede as atividades em comemoração à Semana da Consciência Negra, que acontece de 13 a 30 de novembro, e é uma realização da ACMUN (Associação Cultural de Mulheres Negras), em parceria com a diocese de Passo Fundo, Ifibe, Funzoctur e Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Desporto.

Photobucket - Video and Image Hosting
Francisca Bueno

De acordo com Francisca Bueno, da ACMUN, a idéia é centrar o assunto na educação e inclusão do negro abordando a Lei 10.639, de 2003, que discorre sobre a inclusão dos estudos afros no currículo escolar. "Nesse aspecto estamos com dificuldades, pois está faltando formação e informação. A lei existe, mas pelo que tenho acompanhado nas escolas, há muito ainda a avançar. Temos que recontar essa história e para isso precisamos dar condições para que os professores o façam e aqui está uma das oportunidades".

A lei também considera o 20 de novembro como data máxima da cultura negra: o dia de comemorar a libertação, através da rememoração da morte do herói Zumbi.

Sunday, November 20, 2005

MISS NEGRA PASSO FUNDO - GALERIA DE FOTOS

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting


Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Thursday, March 18, 2004

Semana Municipal da Mulher encerrou com grande integração da comunidade

por Daniela Moraes
do site www.pmpf.rs.gov.br

A Prefeitura Municipal de Passo Fundo, através da Secretaria Municipal de Turismo, Sesc, Ervateira Vitória e Samur, oportunizaram no último dia 14, na Praça da Mãe, o encerramento da III Semana Municipal da Mulher.

Durante toda a tarde aconteceram várias atividades, dentre elas: Mateada, Recreação Infantil, verificação de pressão arterial, shows artísticos com o Grupo Baillar Centro de Danças, Grupo Impacto da Dança, Grupo Mister Dance, Banda Hidra, Banda Rotta do Samba e a dupla Max e Maurício.

A Semana Municipal da Mulher aconteceu numa realização da Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Promotoras Legais Populares, Comissão de Direitos Humanos, Uampaf, com apoio da ACMUN, Hospital da Cidade, Senac, Corpo de Bombeiros, Lions Clube Amizade, Sesi, Sesc, UPF, DL Flores, Emater, Samur, Inca e órgãos de imprensa da cidade.

A III Semana Municipal da Mulher teve início no dia 07 de março, oportunidade na qual foram disponibilizados em toda a semana comemorativa os serviços nas áreas de saúde, direitos da mulher, oficinas de danças, palestras e recreação nos bairros Santa Maria, Vila Luiza, Dona Julia, São Cristóvão II e Edmundo Trein.

Foto: Divulgação
Photobucket - Video and Image Hosting
Momento de integração da comunidade com as atividades da
III Semana Municipal da Mulher

Tuesday, August 12, 2003

Estudantes participam de palestra sobre DSTs

por Paulo Ricardo
do site www.passofundo.rs.gov.br

A Secretaria Municipal de Educação, através da Biblioteca Pública Municipal Arno Viuniski, realizou no dia 06 de agosto, palestra e oficina abordando os temas: “Conhecer para prevenir” e “A Saúde da Mulher”.

A palestra foi ministrada pela técnica em enfermagem, Danisseli Fernanda Paz e pelas professoras, Francisca Izabel da Silva Bueno, Irani Rosa, Maria Lúcia Paz, Maria Cristina Silva, Josenira Oliveira da Silva Ferreira, as quais são representantes da Associação Cultural de Mulheres Negras – RS (ACMUN).

Alunas das Escolas Municipais, Irmã Maria Catarina e São Luiz Gonzaga, participaram da palestra, a qual oportunizou refletir e esclarecer a respeito dos métodos preventivos às doenças sexualmente transmissíveis.

Por ser ainda um assunto considerado tabu e muito pouco debatido em casa, com os pais, o momento possibilitou às estudantes elucidarem dúvidas. Na oficina, foram salientados os cuidados que se deve ter ao utilizar a camisinha feminina e masculina, os benefícios de cuidar do corpo, métodos de prevenção à AIDS e o funcionamento dos órgãos reprodutores.

Thursday, March 20, 2003

A II Semana Municipal da Mulher foi um sucesso

do site www.pmpf.rs.gov.br

Aconteceu no último final de semana, o encerramento da II Semana Municipal da Mulher – Mulher Exemplo de Vida -, que ocorreu no período de 08/03 à 15/03, no 5º piso do Bella Cittá Shopping Center, nas vilas de nossa cidade, na Câmara Municipal de Vereadores e na Praça Marechal Floriano. Tinha como objetivo principal a defesa, o atendimento, a orientação social, jurídica e psicológica para as mulheres vítimas de violência, discriminação e preconceitos racial e social, desta forma promovendo, também, a defesa dos direitos humanos da mulher e a incorporação da perspectiva de gênero nas políticas públicas municipais, além de promover atividades culturais, preventivas na área de saúde e orientações acerca de doenças sexualmente transmissíveis.

A programação da II Semana Municipal da Mulher, neste ano de 2003, foi intensa e gratificante, superando as expectativas da comissão organizadora Na sexta-feira, foi realizada uma belíssima sessão solene na Câmara Municipal de Passo Fundo quando foram coroadas as rainhas da Mulher Exemplo de Vida: Ida Marroni Ruschel_- Rainha da Feliz Idade, Aretê Barcellos – Rainha da Meia Idade e Francielle Dutra – Rainha Adulta, que muito contribuiram para a realização do evento.

As festividades se realizaram também na Praça Marechal Floriano com a feira das artesãs, exposição de pequenos animais e peixes, feira da saúde e mostras de talentos femininos e orientação às mulheres.

A Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Desporto deseja agradecer sinceramente aos colaboradores e apoiadores deste evento que vem se tornando um marco na defesa e conscientização da mulher passo-fundense. Agradecemos portanto ao grupo de realizadores: Bella Cittá Shopping Center, Societá Italiana Di Passo Fundo Leonardo Da Vinci, Lions Clube Amizade, ACMUN, Associação de Produtores de Peixes da Região Norte do RS, CDL e Hemopasso, na pessoa de seus respectivos Diretores e abnegados funcionários, aos grupos artísticos que se apresentaram na ocasião: Grupo de Danças do Dati, grupo de pagode Quem Dera, banda Mapa do Tesouro (gospel), Grupo Passo-Afro, grupo de pagode Rotta do Samba e Banda Alcarrônica, bem como às secretarias municipais: Secretaria Municipal da Educação, Secretaria Municipal da Saúde, Secretaria Municipal da Criança e da Ação Social.

Da mesma forma agradece as pessoas e empresas do município que apoiaram o evento, contribuindo para que o mesmo se realizasse: Dr. Diógenes Basegio, Coleurb, Comercial Zaffari Ltda, Refeições Panela Velha, Ervateira Vitória e Brigada Militar.
A Setur destaca também o trabalho realizado pelos presidentes das Associações de Bairros de Passo Fundo, especialmente daqueles onde foram realizados os eventos alusivos a semana: Vila Vera Cruz, Vila Bom Jesus, Vila Luíza, Vila São Luiz Gonzaga, Vila Jaboticabal e Vila Ipiranga, bem como dos diretores das escolas onde as feiras se realizaram.